Title
Search
All Issues
185
Ano: 2012  Vol. 16   Num. Suppl. 1  - May
DOI: 10.7162/S1809-977720120S1PO-016
Print:
11º CONGRESSO DA FUNDAÇÃO OTORRINOLARINGOLOGIA - Poster Otorhinolaryngology
TextoTexto em Inglês
TONTURA DE ETIOLOGIA VASCULAR: ARTÉRIA BASILAR TORTUOSA
DIZZINESS OF VASCULAR ETIOLOGY: CROOKED FUNDAMENTAL ARTERY
Author(s):
Marcos Pereira Leite Lima, Maria Elisa da Cunha Ramos Miterhof, Pedro Dantas Lodi de Araújo, Raphaella Costa Moreira Simen, Edna Patrícia Charry Ramirez, Raphael Teles Cyrillo
Palavras-chave:
Resumo:

Objetivo: este trabalho tem como objetivo relatar um caso de zumbido e tontura de origem vascular. Relato de caso: DMC, sexo feminino, 76 anos, com queixa de zumbido e tontura há quatro meses. Hipertensão arterial sistêmica, dislipidemia, mioclonia hemifacial. Sintomas com frequência de aproximadamente três vezes por semana. Zumbido do tipo chiado, constante, unilateral à esquerda. Tontura de difícil caracterização. Paciente relatou um episódio de vertigem rotatória ao despertar há 04 meses atrás. Após este apresentação inicial a paciente teve dificuldade de caracterizar um padrão dos demais episódios ocorridos. Exame otorrinolaringológico e neurológico sem anormalidades. Foram realizadas todas as provas otoneurológicas que sugeriram suspeita de alterações de origem vascular. Eco Doppler de carótidas e vertebrais normal. RNM de crânio evidenciou artéria basilar tortuosa e com fluxo turbilhonado. Conclusão: Uma anamnese detalhada somada a uma investigação otoneurológica completa fornece dados importantes para se chegar a um diagnóstico de Síndrome Vestibular de origem Vascular.

.
  Print:

 

All right reserved. Prohibited the reproduction of papers
without previous authorization of FORL © 1997- 2019