Title
Search
All Issues
16
Ano: 2012  Vol. 16   Num. Suppl. 1  - May
DOI: 10.7162/S1809-977720120S1PF-053
Print:
11º CONGRESSO DA FUNDAÇÃO OTORRINOLARINGOLOGIA - Poster Audiology
TextoTexto em Inglês
USO DE CÂNULA DE TRAQUEOSTOMIA E DIAGNÓSTICO FONOAUDIOLÓGICO NA AVALIAÇÃO DO RISCO PARA DISFAGIA
USE OF THE TRACHEOTOMY TUBE AND AUDIOLOGIC DIAGNOSTIC ON THE ASSESSMENT OF RISK FOR DYSPHAGIA
Author(s):
Bruna Franciele da Trindade Gonçalves, Renata Mancopes Rocha, Cintia Conceição Costa, Daniela Rejane Constantino Drozdz, Stéfani Fernanda Schumacher
Palavras-chave:
Resumo:

Objetivo: verificar a ocorrência de disfagia com o uso da cânula de traqueostomia identificada na avaliação fonoaudiológica do risco para disfagia. Metodologia: pesquisa transversal, quantitativa, retrospectiva, em banco de dados de um hospital escola. Foram incluídos nesta pesquisa todos os pacientes avaliados pela equipe de fonoaudiologia quanto ao risco para disfagia e em uso de cânula de traqueostomia. Foi realizada analise de frequência de ocorrência (em percentual). Resultados: 20 indivíduos, sendo 12 (60%) do sexo masculino e oito (40%) do sexo feminino, em uso de cânula de traqueostomia. Do total, 12 (60%) apresentaram deglutição funcional; quatro (20%) apresentaram deglutição normal; dois (10%) obtiveram diagnóstico de disfagia orofaríngea leve, um (5%) apresentou disfagia orofaríngea moderada a grave e um (5%) apresentou disfagia orofaríngea grave. Conclusão: houve predomínio percentual do sexo masculino e diagnóstico de deglutição funcional em ambos os sexos nos diferentes graus de disfagia. Observou-se que o uso de cânula de traqueostomia não representou aumento do grau de disfagia neste estudo.

.
  Print:

 

All right reserved. Prohibited the reproduction of papers
without previous authorization of FORL © 1997- 2019