Title
Search
All Issues
4
Ano: 1997  Vol. 1   Num. 3  - Jul/Set Print:
Original Article
Versão em PDF PDF em Português
I Semana Nacional de Prevenção da Surdez. Prevenir é Ouvir.
Author(s):
Andréa Carvalho
Palavras-chave:
A I Campanha Nacional de Prevenção da Surdez, que acontecerá nos dias 10, 11 e 12 de novembro nas principais cidades do Brasil, está em plena fase de consolidação dos apoios em esferas Federal, Estadual, Municipal e no setor privado. Contando com a participação do Ministério do Trabalho, a campanha vai abordar entre outros, os problemas de perda auditiva induzida por ruído ocupacional.

O Ministério da Educação, através da Secretaria de Educação a Distância e seu Programa TV Escola, está colaborando na questão da surdez infantil, notadamente no que se refere ao processo de alfabetização e à conceituação errônea da anormalidade psicológica dessas crianças.

A Assessoria de Comunicação Social do Ministério da Saúde, participa com boa parte dos serviços de impressão gráfica e distribuição do material promocional e informativo da Campanha.

Empresas privadas de segmentos diversos, tem contribuído significativamente à exemplo da Schering-Plough, que patrocinou a impressão gráfica de 500 "Presentations", isto é, exemplares do documento final de apresentação oficial do evento. A fábrica de Papel e Celulose do Grupo Votorantin, está doando todo o papel para impressão gráfica do material informativo e promocional da I Semana Nacional de Prevenção da Surdez.

Estão envolvidos na Campanha o total de 26 Capitais (agora também com o Amapá, sob coordenação do Dr. Arthur de Lima Torrinha), aproximadamente 120 Municípios e cerca de 225 postos em todo país.

A mobilização e os esforços de todos Coordenadores tem se apresentado como instrumentos imprescindíveis à concretização da infra-estrutura operacional local das 146 cidades participantes. Muitos postos já se encontram com localização definida à exemplo das cidades de, Aracaju, Arapiraca, Belém, Brasília, Fortaleza,

Indaiatuba, Maceió, Palmeira dos Índios, Ribeirão Preto e Uberlândia.

A Comissão Executiva da Campanha espera, que, em breve, todos Coordenadores encaminhem novas confirmações para a divulgação definitiva da quantidade, localização dos postos e distribuição do material promocional da Campanha.

Este evento de abrangência nacional, objetiva divulgar informações e provocar mudanças comportamentais com a conscientização da população Brasileira para os problemas da surdez. Alguns países sul-americanos - Colômbia, Argentina e Uruguai - representados por seus Ministros da Saúde, devem acompanhar e participar desta Campanha para repeti-la futuramente no resto da América Latina.

Além de serem executados os principais objetivos deste serviço público para a saúde e educação da coletividade, a conjunção de esforços da comunidade médica, sociedade civil e entidades governamentais e privadas, resultará em um grande intercâmbio de informações e na combinação cada vez mais necessária de parcerias operacionais e ou financeiras, para a realização de Campanhas sociais, como esta.

As atividades relacionadas aos veículos da imprensa em âmbito nacional tais como, rádio, televisão, jornais e revistas, se encontram sob a responsabilidade da Assessoria de Comunicação da Campanha que está também à disposição dos Coordenadores Locais do evento, para divulgação e o fornecimento de informações à mídia de todo o Brasil.

GIORDANO COMUNICAÇÕES
R. Dr. Cândido Motta Filho, 557- V. S. Francisco
Cep- 05351- 000 São Paulo, SP
Tel/fax: (011) 868-0019 / 868-0020
e-mail: giordano @ originet.com.br
  Print:

 

All right reserved. Prohibited the reproduction of papers
without previous authorization of FORL © 1997- 2019