Title
Search
All Issues
47
Ano: 2012  Vol. 16   Num. Suppl. 1  - May
DOI: 10.7162/S1809-9777201200S1O-029
Print:
11º CONGRESSO DA FUNDAÇÃO OTORRINOLARINGOLOGIA - Oral Presentation Otorhinolaryngology
TextoTexto em Inglês
CORRELAÇÃO ENTRE O DIAGNÓSTICO VIDEOLARINGOSCÓPICO DE LARINGITE CRÔNICA IRRITATIVA E A PRESCRIÇÃO DE INIBIDORES DA BOMBA DE PRÓTONS
CORRELATION BETWEEN THE VIDEOLARYNGOSCOPY DIAGNOSIS OF CHRONIC LARYNGITIS IRRITATING AND THE INHIBITOR LAPSING OF THE BOMB OF PROTONS
Author(s):
Verônica Dalmas Padilha, Cassian Chapaval Kotzias, Maria Clara de Nóbrega, Bruno Pasinato, Vinicius Ribas Fonseca
Palavras-chave:
Resumo:

Objetivo: Avaliar a correlação do diagnóstico videolaringoscópico de laringite crônica irritativa associados a prescrição de I.B.P e: a) motivo do exame; b) graduação da laringite; c) lesões associadas; d) melhora após tratamento. Material e método: Revisão de 195 laudos videolaringoscópicos do Centro de Especialidade Médicas Bairro Novo, com coleta de informações sobre o motivo do exame,severidade da laringite, e alterações associadas. Realizado contato telefônico um ano após a realização do exame para separar os pacientes em dois grupos: Grupo que recebeu I.B.P e Grupo que não recebeu I.B.P., e verificar melhora com o tratamento instituído. Resultados: A partir da revisão de 195 laudos, foram separados 65 (33,3%) pacientes com diagnóstico de laringite crônica irritativa, dos quais 38 (58,5%) receberam I.B.P. O motivo mais comum associado ao exame positivo foi a disfonia. Quanto a presença de outra alterações, a mais comum foram os nódulos vocais. A melhora da sintomatologia foi maior no grupo tratado com I.B.P (65%), sendo p< 0,05. A falta de melhora foi maior no grupo não tratado com I.B.P. (52%), sendo p<0,05. Conclusões: a) Disfonia foi o principal motivo de solicitação do exame; b) A laringite irritativa moderada foi a mais encontrAda; c) A presença de outras alterações associadas foi maior no grupo que não recebeu I.B.P d) A melhora da sintomatologia foi maior no grupo que recebeu I.B.P.

.
  Print:

 

All right reserved. Prohibited the reproduction of papers
without previous authorization of FORL © 1997- 2019