Title
Search
All Issues
95
Ano: 2012  Vol. 16   Num. Suppl. 1  - May
DOI: 10.7162/S1809-9777201200S1F-035
Print:
11º CONGRESSO DA FUNDAÇÃO OTORRINOLARINGOLOGIA - Oral Presentation Audiology
TextoTexto em Inglês
ESTUDO DOS POTENCIAIS EVOCADOS MIOGÊNICOS VESTIBULARES E DA VECTOELETRONISTAGMOGRAFIA DIGITAL EM PACIENTES COM VERTIGEM POSICIONAL PAROXÍSTICA BENIGNA
STUDY OF VESTIBULAR EVOKED MYOGENIC POTENTIALS AND ELECTRONYSTAGMOGRAPHY DIGITAL IN PATIENTS WITH BENIGN PAROXYSNAL POSITIONAL VERTIGO
Author(s):
Marta M S Lira-Batista, Crsitina Freitas Ganança, Ricardo Schaffeln Dorigueto
Palavras-chave:
Resumo:

A VPPB é um distúrbio vestibular caracterizado por crises de vertigem rotatória, de curta duração e forte intensidade, desencadeadas pela movimentação rápida da cabeça. Esta afecção otoneurológica é comum, mas pouco se sabe do seu comportamento sob a perspectiva do VEMP e da VENG. Este trabalho teve como objetivo associar os achados relativos à latência, o formato de onda e a amplitude pico a pico (VEMP) e da provas oculomotoras e vestibulares (VENG) nos pacientes com VPPB. Foram coletados 4438 prontuários de pacientes, mas após a aplicação dos critérios de exclusão e inclusão, foram selecionados 35 prontuários. Destes 26 eram mulheres. A idade média foi de 52,7 anos, e o substrato fisiológico mais prevalente foi a ductolitíase. Encontrou-se relação estatistica entre audição normal e perda auditiva sensórioneural contralateral de grau leve. Na VENG, as provas oculomotoras apresentaram resultados dentro dos padrões de normalidade; funcionamento dos canais semicirculares simétricos (p<0,001) à PRPD e normorreflexia na prova calórica, com significância estatística. A manobra de posicionamento positiva relacionada com os resultados do VEMP tende a ser significativa para a Lp13 da orelha esquerda. A normorreflexia pode influenciar o interpico do VEMP na orelha esquerda (tende a ser estatisticamente significativo). Observou-se que embora existam diferenças médias entre os níveis das variáveis de VENG em relação aos resultados da VEMP, estas não são consideradas significantes. Concluí-se que Avaliação Audiológica, limiares auditivos, Manobra de Posicionamento e Prova Calórica não causam efeito nos resultados quantitativos de VEMP.

.
  Print:

 

All right reserved. Prohibited the reproduction of papers
without previous authorization of FORL © 1997- 2019